FIVB define novas datas para os Jogos Olímpicos de Tóquio em 2021

A FIVB divulgou hoje (17) o novo calendário dos Jogos Olímpicos de Tóquio, agora em 2021. O torneio será realizado entre os dias 25 de julho e 8 de agosto. Todas as fases serão realizados em jogos de dia sim, dia não, como é de praxe nos Jogos para o revezamento com o masculino.

Arte: FIVB


O grande dia da fase classificatória tende a ser o sábado, 31 de julho, quarta e penúltima rodada. Neste dia assistiremos a três clássicos: Rússia x Estados Unidos, China x Itália e Brasil x Sérvia. Sábado em chamas!

As quartas de final serão em 4 de agosto, as semifinais no dia 6 e o grande campeão do ciclo será conhecido no dia 8. Confira o calendário completo:

(FIVB)

Comentários

  1. Eu acho que as russas trapaceiras dopadas sequer deveriam estar disputando a Olimpíada de Tóquio. As equipes de revezamento russas foram desclassificadas por doping tanto da Olimpíada de Pequim em 2008, quanto da Olimpíada de Londres em 2012, tiveram que devolver suas medalhas, e foram banidas da Olimpíada de Tóquio. O mesmo deveria ter acontecido com o vôlei. Se no atletismo as decisões de banimento foram exemplares, no vôlei deveria ocorrer o mesmo. Vale lembrar que Startseva e Gamova ausentaram-se da final da Champions League 2016 pelo Dínamo Kazan, alegando intoxicação alimentar. Porém, elas temiam a acusação de Meldonium quando souberam que os testes antidoping das finais da Champions seriam feitos por coleta de sangue e não de urina. As várias lesões seguidas de Kosheleva também parecem fuga do antidoping. Mal explicada também foi a ausência de Kosheleva das finais do Grand Prix-2016 por uma lesão sem grandes detalhes. Gamova havia dado entrevista dizendo que conversou com Startseva e toda a equipe feminina estava muito apreensiva para a Olimpíada do Rio. Tanto Sokolova quanto Gamova, antes dos escândalos de doping nos esportes russos, queriam muito participar da Olimpíada do Rio, de repente, ambas anunciam aposentadoria da seleção, algo muito suspeito, foi só estourar os escândalos do atletismo e do tênis russo, elas anunciaram aposentadoria. E olha que muita gente estranhou também as aposentadorias de Gamova e Sokolova antes da definição da lista final da Rússia para a Rio-2016. Até então vinham jogando em alto nível no campeonato local.
    Depois foi a vez de Muserskiy se afastar da Olimpíada alegando uma lesão duvidosa(?). Mas, por não explicar qual é a lesão, há suspeita de afastamento por doping. Segundo a investigação feita pelo professor canadense Richard McLaren, no mínimo 10 voleibolistas russos tiveram resultado positivos em exames antidoping refeitos nas amostras coletadas em Pequim 2008 e Londres 2012, mas acabaram saindo ilesos por fazerem parte da farsa russa de doping.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Mas enquanto no atletismo foi comprovado a atuação do próprio comitê de atletismo no encobertamento do doping, em outro esportes não ocorreu. Não adianta fazer ilações e suposições e achar que material isso é prova material justificar penalidades. Não é assim que funciona.

      Excluir
  2. Russas, se não estiverem dopadas, devem dar vexame em Tóquio, desejo os seguintes resultados para a Rússia: Itália 3x 0 Rússia, Argentina 3x0 Rússia, China 3x0 Rússia, EUA 3x0 Rússia e Turquia 3x0 Rússia. Eu, particularmente, preferia que a Coréia tivesse fechado aquele jogo do pré-olímpico em 3x0 contra a Rússia e que as tailandesas estivessem em Tóquio e não as russas.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sonha, quanto mais alto for seu sonho, maior será a sua queda!!!!!

      Excluir
  3. Faltando praticamente um ano para os jogos, será hilário quando Zezinho cortar Macris e o oceano de lágrimas da fanbase irritante. Já teve leigos dizendo que ela é melhor que Maja, Fofão e Venturini. Haja delírio!

    ResponderExcluir
  4. Essa olimpíada até agora pra mim não tem um favorito direto o grupo da China e da Sérvia estão muito entrosados mais EUA e Brasil podem as surpreender ambos tem elencos muito fortes o que tem negativo são as consecutivas lesões e falta de entrosamento pq em todos os campeonatos mandam equipes diferentes.Itália sempre tremem em semifinais vamos ver agora já no caso da Turquia pode surpreender igual a Holanda nas olimpíadas passadas. Já R.Dominicana,Japão e Coreia do Sul acho pouco provável surpreender.

    ResponderExcluir
  5. O que esse tal de Musersky fez na final olímpica de Londres contra o Brasil ,em que perdemos a medalha de ouro de virada era para no mínimo causar suspeita.O cara nem era titular,entrou a partir do terceiro set e simplesmente colocava todas as bolas no chão,sendo o principal responsável pela virada russa. Agora tudo faz sentido.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. GOLD Rússia 202122 de julho de 2020 21:27

      Reveja o jogo e verá que a virada russa foi construída na raça de todos os jogadores! A vitória foi conquistada pela excelente visão de jogo do então técnico Alekno - que foi brilhante!!! Um simples deslocamento de posição, obvio, usou as regras disponíveis, e iniciou a virada!!! Eles lutaram e renderam os brasileiros, que foram sucumbindo um a um. Foi uma defesa espetacular! Foi um mergulho em quadra de um dos jogadores mais experientes da Rússia que fez tudo mudar!!! Técnica pura!! As defesas inacreditáveis do Tetyukhin nas finais do 3º set e 4º set salvaram a Grande Rússia!!! Aleksey Obmotchaev, foi um libero magistral e fez até ponto em defesa inimaginável!!! Foi um dia inesquecível em que a Rússia puxou a Medalha de Ouro do Brasil. A Seleção Russa foi espetacular em Londres!! Ganhou por méritos! Mikhaylov e Muserskiy arrebentaram!!! Muserskiy, obvio, é um dos jogadores que mais se motiva quando enfrenta o Brasil e esse vontade não foi diferente em Londres!!! - Naquela final ele não iria sair da quadra sem o OURO!! Jamais. Muserskiy - Campeão Olímpico - concedeu inúmeras entrevistas após a contunde vitória em Londres e afirmou que irá ao Japão e novamente vai afundar de vez o Brasil. Muserskiy tem ojeriza e desprezo por essa seleção brasileira. Por isso que jogou tanto. Ele acreditou!!! E fez valer seu talento, sua agilidade e força!! Um Herói Russo!! Os russos se posicionavam de forma brilhante - defendiam tudo!! E armavam contra-ataques acachapantes!!! Todos foram fundamentais.

      Excluir
    2. Não teve nada de brilhante, nada de acachapante, o que teve foi uma Rússia "dopada" que teve que sofrer até o tie break para conseguir ganhar do Brasil trapaceando.
      Mesmo entupidos de Meldonium e usando de má-fé, trapaça, os russos tiveram que suar até o tie break para arrancar a vitória do Brasil. O correto seria eles perderem a medalha no vôlei da mesma forma que as equipes de revezamento do atletismo perderam suas medalhas.

      Excluir
  6. GOLD Rússia 202122 de julho de 2020 21:36

    Em Tokyo 2021 - A Seleção Russa virá repleta de exímios jogadores. Muserskiy, por si só, já causa arrepios no brasil, imagina a Rússia mesclada de Campeões Olímpicos consagrados e os talentos que já mostram resultados!!! Só a atual Bicampeã Mundial consecutiva - Polônia com Kurek - Kubiak e o cubano Leon podem ameaçar a Rússia. Só Itália poderá chegar a final Olímpica ao lado os russos ou poloneses.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A Rússia não tem nenhum exímio jogador, a Rússia só tem jogador dopado e só! Todas as medalhas russas desde a década de 1960 deveriam ser cassadas. A Rússia nunca jogou limpo, só ganhou alguma coisa à base do doping.
      Fala sério! Sabe de nada! A final será entre Brasil e França do gênio Earvin Ngapeth, esse sim é craque de bola. O dopado do Muserskiy não chega aos pés do Ngapeth!

      Excluir
    2. Ngapeth, um convencido, que inclusive foi preso por assédio, me admira vc estar exaltando alguém assim.

      Excluir
  7. Cuba x China - Final - há 20 Anos!!!26 de julho de 2020 12:09

    Finalíssima das Olimpíadas de Atlanta 1996 nos Estados Unidos. Há 20 anos!!! Em terras americanas, CUBA e CHINA chegaram a final. Jogo completo disponível no You Tube. A China chegou a final invicta!!! Uma excelente campanha, inclusive venceram a Rússia de Artamonova na semifinal. Enquanto CUBA em jogo de afrontes, xingamentos venceram o Brasil na outra semifinal. Estavam em quadra Fernanda Venturini, Ana Mozer, Marcia Fú. Hilma e muitas outras. As cubanas endiabradas venceram as brasileiras. Foi um final de adversários políticos americanos. Jogão!!

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Oi, gente!

Obrigado por comentarem aqui, mas peço que vocês façam isso com respeito para mantermos um nível de discussão agradável. Ofensas pessoais à jogadoras e a outros membros não serão aceitas. É um prazer voar com vocês! ;)