China vai com força total à Copa do Mundo; confira lista

Atual campeã da Copa do Mundo, a China não quer saber de time B ou de equipe mesclada: a seleção vai com força total. A técnica Lang Ping usou uma seleção B no Campeonato Asiático poupando suas jogadoras exatamente para esta competição.

Atualmente, 16 jogadoras treinam com a seleção em Pequim e nem veteranas como Ni Yan foram poupadas. Haverá, portanto, dois cortes antes da competição. Com 5 centrais e 5 ponteiras, é provável que uma jogadora de cada posição deixe a equipe. Confira a lista da China: 

Levantadoras: Xia Ding e Di Yao
Opostas: Xiangyu Gong e Chunlei Zeng
Ponteiras: Ting Zhu, Changning Zhang, Yingying Li, Xiaotong Liu e Yanhan Liu
Centrais: Ni Yan, Xinyue Yuan, Yuanyuan Wang, Yixin Zheng, Hanyu Yang
Líberos: Li Lin e Mengjie Wang

Já classificada para Tóquio 2020, China usará seleção principal na Copa do Mundo (Foto: FIVB)

Comentários

  1. Quem sou eu pra dar pitaco a Lang Ping, mas se fosse técnico da seleção chinesa ia pra Copa do Mundo sem a Ting Zhu, seria um excelente teste pra equipe.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. eu tb, afinal todo mundo já sabe que a Zhu pisa...
      além de deixar Zhu de fora, eu testaria a Ying na saída... deixando Zhang e Liu no passe

      Excluir
  2. Favoritas junto com as americanas!Contudo, eu espero que o Brasil faça o seu jogo e tenha um bom desempenho, sobretudo nas partidas "clássicas" contra essas duas equipes que são perfeitamente bativeis. Torcendo para o tripé Dru-Gabi-Lorenne dar certo, seria uma bela alternativa para os próximos anos. Vamos com um bom grupo de centrais e finalmente temos duas liberos de verdade. Também gosto da Gabi Candido, ainda é irregular, porém tem que rodar sim para crescer com a equipe. O resto é consequência. Meu único lamento foi a Fabiola, ela colocaria o Brasil em outro patamar nesta copa do mundo. Uma pena, mas Macris está cada vez melhor com a seleção e a Roberta, pode não ser precisa, mas rende nas inversões.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ps: acho a Fabiola a jogadora ideal para resolver os problemas de apagão do Brasil. Única que joga sem passe brilhantemente.

      Excluir
    2. Que comentário bacana.. Concordo plenamente

      Excluir
  3. Esse é time viu querida. Ponteiras e centrais de dar invejaaaaa
    Já que a Servia vai com time B, China é a favorita.
    Ganhar um campeonato na casa das japonesas há menoa de 1 ano?? Lang Ping quer e muito!!!!! Rivalidade continetal feminina aqui sim meu amor. A tecnica do japão que se cuide.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É mais que uma rivalidade no vôlei é geopolítica. A China não vai perder a chance de demonstrar força regionalmente em um torneio internacional. Após a campanha frustrante na Rio (no quadro de medalhas) eles virão com tudo ano que vem e come toda certeza o vôlei é um dos pilares para o plano deles em 2020. (Só espero que pra isso não precisem de doping... rs)

      Excluir
    2. China não é mais favorita do que os EUA, que devem ir babando por esse título, ainda mais depois de terem conquistado o bi da VNL! Curioso para saber a escalação da seleção americana!!

      Excluir
  4. Mas, as robôs do Japão não vão deixar barato não! A começar pela técnica que as vezes usa a telepatia para se comunicar. Mas incrementadas tecnologicamente do que nunca, as nipônicas querem o pódio na Copa e nas Olimpíadas e elas estão voltando com defesas mais apuradas e excelência nos levantamentos precisos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Japão eterno mediano, sem altura sem potência, só ganham quando tem a sorte de defenderem e explorar o bloqueio.

      Excluir
  5. Telepatia morriii kkkkkkk

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Assista e veja que ela fica inúmeras vezes permanece calada e congelada nos pedidos de tempo. Andrógena. Ela transmite mensagens e as jogadoras respondem em quadra! simples!

      Excluir
  6. Gabi não terá piedade da Zhu...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Só se nascer novamente. Única jogadora que incomoda a Zhu é a líbero italiana.

      Excluir
    2. Yuan grito de gavião nao terá dó de Gabi

      Excluir
    3. Zhu só tem problemas com a seleção americana, a única que consegue marcá-la de forma competente!

      Excluir
  7. cala boca chineses do paraguay

    ResponderExcluir
  8. Só gostaria que a Lan Ping deslocasse a Li YingYing para a saída... seriam imbatíveis...

    ResponderExcluir
  9. China tem Zhu,Sérvia tem boskovick, Itália tem Egonu, só que comparando essas 3 , China tem um jogo mais distribuído, o que mostra que tem mais atacantes de resolvem, diferente da Sérvia e Itália que sobrecarregam suas estrelas.

    ResponderExcluir
  10. Timaço da China. Dificil pará-las. Talvez as duas únicas seleções capazes disso hoje sejam Itália e Sérvia. Pra mim essas três são as favoritas.

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Oi, gente!

Obrigado por comentarem aqui, mas peço que vocês façam isso com respeito para mantermos um nível de discussão agradável. Ofensas pessoais à jogadoras e a outros membros não serão aceitas. É um prazer voar com vocês! ;)