Monza mantém boa fase, vence Casalmaggiore e entra no G4 do Italiano

O Saugella Team Monza tem um final de semana para comemorar. Hoje, na 9ª rodada do returno do Campeonato Italiano, o time bateu um rival direto na tabela, o Pomì Casalmaggiore. Na casa das adversárias, o Monza venceu por 3 sets a 1 e assumiu lugar no G4, entre os quatro melhores times na tabela de classificação. 

O Monza teve Ortolani como destaque com 19 pontos, seguida da alemã Orthmann que vive grande fase e fez 16. O Casalmaggiore não jogou mal, mas teve Carcases com desempenho bem abaixo. Um ganho para o time (e para a seleção dos EUA) é o crescimento da oposta Danielle Cuttino (22 anos, 1m94), maior pontuadora do jogo com 20 e Caterina Bosetti fez 15.

Orthmannn ataca contra bloqueio de Cuttino e Arrighetti (Foto: Vero Volley)


Nos outros jogos, o Busto passou ontem com facilidade pelo Brescia por 3 sets a 0, com 16 pontos de Herbotts. Já o Bergamo voltou a decepcionar, caindo diante do frágil Chieri por 3 sets a 2, em um duelo de Silva (28) e Smarzek (24). O resultado afasta o Bergamo 5 pontos do G8, a zona de classificação para as quartas do Italiano. Outra belga e outra cubana, Van Hecke e Salas complicaram a vida do Filottrano e ganharam uma força importante para chegar as quartas, com o Cuneo vencendo por 3 a 0, enquanto Firenze e Club Italia jogam terça. Confiram os resultados e a classificação:

Já eliminado, Chieri venceu e diminuiu as chances do Bergamo (Foto: Chieri)

Campeonato Italiano - 9ª Rodada

UNET E-WORK BUSTO ARSIZIO - BANCA VALSABBINA MILLENIUM BRESCIA 3-0 (25-18 25-20 25-18)

UNET E-WORK BUSTO ARSIZIO: Gennari 9, Berti 5, Orro 4, Herbots 16, Bonifacio 6, Grobelna 12, Leonardi (L), Botezat, Samadan.

BANCA VALSABBINA MILLENIUM BRESCIA: Rivero 12, Miniuk 3, Di Iulio 2, Villani 10, Veglia 6, Nicoletti 9, Parlangeli (L), Biava 3, Norgini, Bartesaghi, Manig.

IMOCO VOLLEY CONEGLIANO - SAVINO DEL BENE SCANDICCI 3-0 (25-20 25-16 25-19)

IMOCO VOLLEY CONEGLIANO: Folie 9, Lowe 7, Hill 12, De Kruijf 11, Wolosz 1, Sylla 13, De Gennaro (L), Fabris 2, Tirozzi 1, Fersino, Bechis. 

SAVINO DEL BENE SCANDICCI: Bosetti 8, Adenízia, Haak 10, Vasileva 6, Stevanovic 2, Malinov 1, Merlo (L), Mitchem 3, Zago 2, Caracuta 1, Mazzaro 1, Bisconti, Papa. 

E'PIU' POMI' CASALMAGGIORE - SAUGELLA TEAM MONZA 1-3 (21-25 25-20 17-25 20-25)

E'PIU' POMI' CASALMAGGIORE: Carcaces 10, Kakolewska 4, Gray 6, Bosetti 15, Arrighetti 7, Pincerato, Spirito (L), Cuttino 20, Skorupa 5, Mio Bertolo 2, Lussana. 

SAUGELLA TEAM MONZA: Ortolani 19, Orthmann 16, Adams 10, Hancock 8, Begic 5, Melandri, Arcangeli (L), Buijs 11, Devetag 3, Bianchini. 

ZANETTI BERGAMO - REALE MUTUA FENERA CHIERI 2-3 (25-23 20-25 22-25 25-9 9-15) 

ZANETTI BERGAMO: Acosta 2, Tapp 8, Cambi 5, Mingardi 10, Olivotto 11, Smarzek 24, Sirressi (L), Loda 9, Courtney 4, Strunjak, Imperiali. 

REALE MUTUA FENERA CHIERI: Middleborn 10, Silva 28, Perinelli 12, Akrari 9, Poulter, Angelina 16, Bresciani (L), Starcevic 1, Dapic, De Lellis. 

BOSCA SAN BERNARDO CUNEO - LARDINI FILOTTRANO 3-0 (25-18 25-15 25-23)

BOSCA SAN BERNARDO CUNEO: Cruz, Menghi 7, Van Hecke 18, Salas 17, Zambelli 7, Bosio 4, Ruzzini (L), Markovic 9, Baiocco. 

LARDINI FILOTTRANO: Vasilantonaki 9, Cogliandro 6, Tominaga 2, Partenio 9, Garzaro 2, Whitney 11, Cardullo (L). 

05/03 - Firenze x Club Italia

Classificação

  1. Imoco Volley Conegliano 52; 
  2. Igor Gorgonzola Novara 46; 
  3. Savino Del Bene Scandicci 44; 
  4. Saugella Team Monza** 40; 
  5. Unet E-Work Busto Arsizio 39; 
  6. E'piu' Pomi' Casalmaggiore** 38; 
  7. Il Bisonte Firenze 32; 
  8. Bosca San Bernardo Cuneo 30; 
  9. Zanetti Bergamo** 25; 
  10. Banca Valsabbina Millenium Brescia 24; 
  11. Lardini Filottrano 14; 
  12. Reale Mutua Fenera Chieri 7; 
  13. Club Italia Crai* 2.
*um jogo a menos
**um jogo a mais

Conegliano se isolou na liderança do torneio (Foto: Imoco Volley)

Comentários

  1. Eu não comento aqui desde o Mundial de seleções em outubro SOS. Voltar agora faz mais sentido, pq a fase mais zzz dos campeonatos já passou e os playoffs estão chegando na maioria das competições.

    Uma dúvida: a Gattaz falou mesmo que só volta pra seleção para disputar Tokyo 2020? Eu procurei essa declaração dela na internet, mas não achei \:

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vai no Facebook do Voloch, foi lá que ela declarou isso. Acho um pouco de arrogância da parte dela, mas quando vejo as concorrentes: Bia, Carol e Adenízia, vejo que ela tem completa razão. Espero que Gattaz esteja 100% em 2020 e que Thaísa tenha se recuperado também, Thaísa mesmo não sendo a mesma de antes, não pode ser preterida por nenhuma dessas três mencionadas.

      Excluir
    2. Obrigado pela informação, acabei de ver a entrevista. O problema é que as possibilidades de o ZRG convocá-la apenas para Tokyo são muito pequenas pelo histórico paneleiro dele. Gattaz seria a central ideal na rede de dois no Japão ano que vem.

      Não sei se o físico da Thaísa aguenta mais uma Olimpíada em 2020. Tomamos um baile no Mundial ano passado justamente pq a maioria das jogadoras estavam péssimas fisicamente.

      O mais urgente e imediato para a VNL já em maio é a Macris disputar a competição inteira como titular. Porém, o que dá mais raiva é o fato de o paneleiro poder continuar insistindo na Roberta. Outra sonsa que provavelmente teremos que engolir por mais uma temporada é a Suelen. Sem comentários.

      Excluir
    3. O ZRG fez isso (de só convocar para o ano olímpico) com a Valeskinha em 2008 e com a Fernandinha em 2012. Isso também aconteceu com a Fabíola em 2016, mas a gente nem reclamou porque ela já havia sido injustiçada em 2012 hahaha.

      Gattaz já tem 37 anos e vários problemas físicos, não pode ficar jogando 5 semanas da LNV como o ZRG gosta que suas atletas façam. É isso que f*de com a atleta. Chega no fim do ano, nos campeonatos importantes, ganhou GP/LNV, mas e o Mundial? E a olimpíada?

      Excluir
    4. Acho a Macris superestimada e a meu ver Fabíola é quem deveria ser a levantadora titular e Macris como reserva, mas como a fada europeia talvez não volte mais para a seleção, concordo q a levantadora do Minas seja testada como titular na VNL. Minha seleção olímpica seria:
      Fabíola e Macris
      Tandara e Tiffany
      Gattaz, Thaísa e Fabiana
      Garay, Natália, Gabi e Jaqueline
      Brait
      Sonhar não custa, ne?

      Excluir
    5. "O ZRG fez isso (de só convocar para o ano olímpico) com a Valeskinha em 2008 e com a Fernandinha em 2012."

      Mas as duas jogaram apenas as Olimpíadas ou todas as competições do ano olímpico? Pq a Gattaz falou que só joga Tokyo 2020 e mais nada. E é óbvio que a Carol não deva se desgastar jogando campeonatos como VNL. Porém, uma coisa é você ter um bom desempenho na SL e no Mundial de Clubes; outra é contra as melhores seleções do planeta. No final de tudo, acredito que o paneleiro nem cogite a possibilidade de a Gattaz voltar à seleção \:

      Excluir
    6. "Acho a Macris superestimada e a meu ver Fabíola é quem deveria ser a levantadora titular e Macris como reserva, mas como a fada europeia talvez não volte mais para a seleção, concordo q a levantadora do Minas seja testada como titular na VNL."

      Na minha opinião, a Macris deveria ser a levantadora titular da VNL com a Fabíola na reserva. Tá na hora de o ZRG se desapegar do jogo previsível de Dani Lins e Roberta. Mas tbm concordo que a pastora possa não voltar mais à seleção.

      Excluir
  2. Convenhamos que metade da Gattaz é a Macris. Esta tem um jogo bem acelerado, típicos da própria Gattaz, Gabi, e até mesmo da Natália. Mas esse estilo de jogo pode atrapalharar aprincipal atacante brasileira, Tandara, que todos sabemos que se adequa mais ao estilo de bolas altas da rainha Fabíola. Além disso, Thaísa não está tão rápida no deslocamento, mais uma para o estilo de jogo da Fabíola.
    Tem mais, a Roberta, apesar de não ser das melhores levantadoras, saca muito bem, defende horrores, tem um bloqueio que incomoda e ainda faz uns 10 pontos por jogo (hahhahaha).
    Ainda tem a Dani Lins, que é de lua.
    Então, a seleção fica dividida:
    •Macris para Gattaz, Gabi e Natália
    •Fabíola para Tandara, Thaísa e Garay

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Acho q a Natália se encaixa melhor com a bebê Fabíola, pois Nati foi bola de segurança no vice Mundial de 2010, com Fabíola como titular. Também acho a Roberta ótima sacadora, bloqueadora e defensora, mas peca no mais importante. #chacota
      Dani Lins esqueceu o vôlei em Londres.

      Excluir
    2. Caso a Macris receba uma oportunidade como titular na seleção principal, o maior desafio dela vai ser ajustar o tempo de bola com a Tandara, sem dúvidas.

      Não adianta a Roberta sacar, defender e bloquear bem se não finta o bloqueio adversário e não é precisa nos levantamentos.

      Dani Lins já fez muito pela seleção, mas o jogo dela tá cada vez mais previsível. Se for para contar com uma levantadora mais experiente nessa segunda metade do ciclo olímpico, que seja a Fabíola.

      Excluir

Postar um comentário

Oi, gente!

Nós agradecemos muito por vocês comentarem aqui. Mas precisamos pedir que vocês façam isso com respeito. Ofensas pessoais à jogadoras e a outros membros não serão aceitas. Torçam à vontade, a favor e contra seleções, times e jogadoras. Mas vamos manter essa ferramenta como uma caixa apropriada e divertida para conversarmos, ok? ;)

Obrigado pela colaboração de todos, é um prazer voar com vocês! <3