FIVB surpreende Argentina e rebaixa seleção na LNV; campeão da Challenger ganha a vaga

A Federação Argentina de Voleinol (FEVA) recebeu com surpresa uma notícia da FIVB: a seleção Argentina está eliminada da Liga das Nações 2019. A FIVB chegou a anunciar que o último colocado da Liga das Nações disputaria um playoff contra o campeão da Challenger Cup (veja print do regulamento). Mas voltou atrás: a Argentina está automaticamente rebaixada. O campeão da Challenger Cup assumirá seu lugar na Liga das Nações 2019. Disputam a vaga: Peru, Colômbia, Bulgária, Hungria, Porto Rico e Austrália. 

A Argentina foi a pior desafiante da Liga das Nações, terminando o torneio em último lugar com apenas uma vitória (sobre a Coreia) e com 3 pontos. Para voltar à LNV em 2020, terá de vencer a Challenger em 2019.

Argentina está fora da Liga das Nações 2019 (Foto: FIVB)

Comentários

  1. Nada mais justo diante da campanha medíocre que esse time fez na VNL. Espero que o campeão da Challenger Cup tenha uma performance melhor ano que vem.

    ResponderExcluir
  2. A FIVB é uma piada! Por mais que as argentinas mereçam ser rebaixadas pela campanha ruim e que um "revezamento" de times seja saudável pra liga, mudar a regra com a competição em andamento abre um precedente horrível, isso é muito errado. Tá parecendo com o que fizeram com a seleção masculina da Eslovênia que ganhou o direito de disputar a liga principal até eles decidirem mudar tudo. Tem muita coisa errada aí...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fatos! Foi ridículo os italianos insuportáveis, lanternas no grupo 1 da última Liga Mundial, terem o direito de jogarem a VNL e os eslovenos não, mesmo tendo sido campeões do grupo 2 ano passado. A Bélgica que quase se classificou pro Final Six em Curitiba no lugar do US tbm ficou fora injustamente da VNL, enquanto times como Coreia do Sul, China e Alemanha estão participando da competição.

      No feminino, aconteceu o mesmo com a Bélgica última colocada no grupo 1 do Grand Prix jogando a VNL e com a Argentina que não foi nem pro Final Four do grupo 2 ano passado (mas a justiça veio agora com esse rebaixamento).

      Excluir
    2. O presidente da FIVB é brasileiro, ou seja,... Deus sabe-se lá as vantagens que ele percebeu com essas "mudanças".

      Excluir
  3. Byebye Hermanas! Espero que a Bulgária consiga.

    ResponderExcluir
  4. Gente se não tem time para ficar, é melhor da uma chance para outras equipes, fizeram o certo..

    ResponderExcluir
  5. Uhul Nova Iguaçu!!!
    Parabéns à FIVB pela punição à Argentina!!!
    O q a Argentina fez foi VEXAMINOSO!!! Foi um INSULTO ao voleibol!!!
    As ARGENTINAS simplesmente KGARAM para o torneio,fizeram CORPO MOLE,um time SEM SANGUE,sem RAÇA,totalmente sem motivação!!!
    É muita falta da FAIRPLAY e ANTIÉTICO a atitude das ARGENTINAS durante o torneio!!! Coisa feia de ser ver e um grande mau exemplo para os jovens q estão iniciando no esporte!!!
    Acho q a ARGENTINA merecia até uma punição maior como uma SUSPENSÃO!Ser rebaixada direto,acho até q saiu barato pra Argentina!
    Agora eu torço pra que as COLOMBIANAS evoluam e ultrapassem PERUANAS e ARGENTINAS na AMÉRICA DO SUL!!!

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Oi, gente!

Nós agradecemos muito por vocês comentarem aqui. Mas precisamos pedir que vocês façam isso com respeito. Ofensas pessoais à jogadoras e a outros membros não serão aceitas. Torçam à vontade, a favor e contra seleções, times e jogadoras. Mas vamos manter essa ferramenta como uma caixa apropriada e divertida para conversarmos, ok? ;)

Obrigado pela colaboração de todos, é um prazer voar com vocês! <3