O hexacampeonato do Dínamo Moscow e a falta de sorte do Kazan na final do russo

No último dia 21, a Rússia conheceu seu novo hexacampeão: o Dínamo Moscow venceu o campeonato nacional pela quarta vez consecutiva. O sexto título do time foi em cima de seu arquirrival Dínamo Kazan. 

Dínamo Moscow comemorou sexto título (Foto: Federação Russa)


Nada tira os méritos do Moscow da poderosa Nataliya Goncharova, maior pontuadora disparada da série de final. Mas o Moscow contou com uma dose de sorte, ou melhor, de falta de sorte do Kazan. Líder do russo na fase classificatória e favorito ao título, o Kazan perdeu duas titulares na reta final do campeonato: Elitsa Vasileva lesionou o ombro e Natalya Mammadova machucou-se durante o segundo jogo da final.

Natalya Mammadova desfalcou o Kazan a partir do segundo jogo da final (Foto: Fed. Russa)


Sem suas principais peças na definição, o Kazan ficou frágil. No primeiro jogo foi um atropelo, 3 a 0. Uma verdadeira batalha entre Goncharova e Irina Voronkova. Mas o Dínamo foi muito mal na recepção e sobrou o peso para a jovem Anna Kotikova, substituta de Vasileva, caçada pelo saque moscovita.

Na segunda partida o jogo foi duro, Mammadova machucou-se após seu primeiro ponto, mas Daria Malygina saiu bem do banco. Ou melhor, razoavelmente, longe das típicas opostas russas. Mas Goncharova acordou inspirada, como sempre, fez 24 e emplacou a vitória do time por 3x2. No terceiro jogo, mais do mesmo: Mammadova entrando apenas eventualmente, Voronkova e Malygina segurando o time, mas já parecia tudo decidido. Goncharova fez sua melhor partida, 31 pontos e sagrou o Moscow campeão da liga russa.

Nataliya Goncharova comandou o campeonato do Moscow (Foto: Fed. Russa)


Méritos para o Moscow, que montou um bom time. Mas o Kazan ainda era favorito, entretanto, não conseguiu reverter as eventualidades. 

Campeonato Russo - Final

Jogo 01 - 16/04
MP: Voronkova (15), Shlyakovaya, Zaryazhko (8) | Goncharova (18), Fetisova (10)

Jogo 02 - 17/04
MP: Voronkova (20), Malygina (14) | Goncharova (24), Khodunova (20)

Jogo 03 - 21/04
MP: Goncharova (31), Khodunova (17) | Voronkova (18), Malygina (15)

DÍNAMO MOSCOW - CAMPEÃO RUSSO 2017/2018 - 6º título

Yulia Morozova, Daria Talysheva, Elena Gendel, Yana Shcherban, Ekaterina Romanenko, Nataliya Goncharova, Vera Vetrova, Ekaterina Lyubushkina, Marina Sheshenina, Irina Fetisova, Anna Lazareva, Natalia Khodunova, Daria Isaeva. Técnico: Zoran Terzic.

(Foto: Fed. Russa)

Classificação Final

  1. Dínamo Moscow
  2. Dínamo Kazan
  3. Uralochka
  4. Yenisei Krasnoyarsk
  5. Zarechie Odintsovo
  6. Proton
  7. Sakhalin
  8. Lenningradka
  9. Dínamo Metar
  10. Dínamo Krasnodar


Comentários

  1. Informes direto da Rússia apontam descanso para Goncharova. Ela não vai participar das primeiras semanas da Liga e também não irá para esses torneios pré temporadas. Será que a Goncharova estar em seu melhor nível atualmente. Russos querendo ou não sempre terá uma seleção competitiva. Rússia terá chances no Mundial sim - inclusive algumas selecionáveis são campeãs Mundiais. Acho que a Goncharova irá mesmo assistir as partidas da Copa do Mundo de Futebol. A Rússia será do Futebol !A aprendiz da Gamova ainda terá chances - Malighina seguirá. Mas a grande novidade mesmo no Volei Russo é A Volta do Fenômeno Muserskhiy. O central volta com todo o apoio do seu club; do atual técnico da seleção; da Federação Russa - os mesmos que o afastarão - agora bajulam o herói de Londres 2012. A Rússia tem um plantel fabuloso no Masculino; já no feminino há esperanças no futuro. A Gamova é tecnica-coadjuvante no Sub 20 que vem ganhando tudo!!! Campeãs Mundiais e Campeãs Europeia com Gamova sorrindo nas fotos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Correção: Goncharova encontra-se em grande momento de sua carreira. Será que ela estar em seu melhor nível?já que liderou o Moscow durante toda a temporada; sempre com ótimas performasse. A Federação Russa e novo técnico russo em 2017,no masculino afastaRAM o Muserskhiy da seleção por ele ter discordado do momento das apresentações para os treinamentos.

      Excluir
  2. Só um comentario: esse foi o terceiro titulo seguido do Moscow e nao o quarto. Ganharam ano passado com De La Cruz e no ano anterior com a Garay. Antes disso foi aquela sequencia quase interminavel de vices.

    ResponderExcluir
  3. Moscow virá forte na próxima temporada
    Maja/Goncha
    Efimova/Fetisova
    Khodunova/(ponteira estrangeira)
    Talysheva

    ResponderExcluir
  4. TO FLY Quem foram as melhores jogadoras: Pontuadora, bloqueadora, sacadora, recepção, atacante?

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Oi, gente!

Nós agradecemos muito por vocês comentarem aqui. Mas precisamos pedir que vocês façam isso com respeito. Ofensas pessoais à jogadoras e a outros membros não serão aceitas. Torçam à vontade, a favor e contra seleções, times e jogadoras. Mas vamos manter essa ferramenta como uma caixa apropriada e divertida para conversarmos, ok? ;)

Obrigado pela colaboração de todos, é um prazer voar com vocês! <3