Praia é mais equipe, vê decisões erradas de Bauru e confirma favoritismo na Copa Brasil

Praia Clube e Bauru fizeram um jogo emocionante nesta sexta-feira (01), mas não tão bom taticamente. A impressão é de que as duas esquipes estão cansadas e talvez as cãibras sentidas por Tifanny e Garay ajudem a provar isso.

Não temos dúvidas de que o Praia é superior tecnicamente, mas vimos Bauru jogando como grande contra um gigante. Falhando, porém, nos momentos decisivos. O Praia tem um leque de boas atacantes e mesmo assim, Lloyd fez uma partida bem abaixo. Tem desconto por estar voltando de lesão, mas a verdade é que desde a temporada de seleções a americana está longe de ser aquela campeã da Champions League com Casalmaggiore. Senti que em alguns momentos Lloyd queimou Fawcett, sua principal atacante e senti que a oposta também se incomodou com isso. Mérito para quem tem uma central como Fabiana no time, capaz de chamar a responsabilidade em jogos decisivos como este.

Praia garantiu a primeira vaga para a semifinal (Foto: Dentil Praia Clube)

Gosto e desgosto da opção de Paulo Coco por Rosamaria. Não vejo motivos para que ela seja titular, sente no ataque, não é boa passadora, Michelle seria uma opção muito mais segura. Coco claramente quer demonstrar confiança em Rosa e isso está fazendo bem para ele. Incrível como ela melhorou na recepção, embora eu ainda acredite que ela deveria investir na carreira de oposta. Garay acabou pressionada a definir, mas ainda que longe de sua melhor noite, segurou a pressão e sacou bem.

Ah Bauru, há tanto para se dizer sobre você! Para começar, Fabíola teve uma grande atuação, mas falhou em momentos decisivos, quando jogou uma bola de segunda na rede, por exemplo. Quem garantiu o quinto set ao time foi a genialidade da levantadora, que perdeu Tifanny no meio do jogo e reinventou o time taticamente, forçando jogo com suas centrais, acelerando. As centrais de Bauru não são exímias atacantes, elas até viram uma ou outra bola, mas não se pode comparar ao Praia. Por isso o time fica dependente de Tifanny e Diouf e também porque o passe não ajuda muito. A formação ideal para mim é essa: Tifanny e Gabi nas pontas. Sou muito crítico a Palacio, mas ontem ela entrou bem e defendeu muito, fez ótimas defesas. Neste ponto acho que Fabíola errou, poderia tê-la usado mais.

Tifanny ataca contra duplo do Praia; ponteira sentiu dores e deixou a partida (Foto: Carlos Borges/CBV)


E mais uma vez, critico Anderson. São opções claramente erradas! Diouf não estava virando, Edinara veio bem na inversão, por que a coragem de trocar as ponteiras não é a mesma com a oposta? Fabíola fez uma passagem no quarto set segurando-se para não usar Diouf, que não estava virando do fundo - ali Anderson já poderia ter usado Edinara! E claramente foi a falta de efetividade da oposta que fez falta a Bauru no quinto set, já que Tifanny também estava fora de quadra. Sem surpresas, o Praia foi superior.

Edinara seria boa opção para Sesi Bauru (Foto: Marcelo Ferrazzoli/Sesi Bauru)

Copa Brasil 2019 - Semifinal 1

Praia Clube 3 x 2 Sesi Bauru (24/26, 25/21, 25/14, 21/25 e 15/11)

PRA – Lloyd, Fawcett, Fernanda Garay, Rosamaria, Carol e Fabiana. Líbero – Suelen
Entraram – Michelle, Laís,
Técnico – Paulo Coco

BAU – Fabíola, Diouf, Tifanny, Gabi Cândido, Andressa e Valquíria. Líbero – Tássia
Entraram – Arlene, Naiane, Edinara, Vanessa, Palácio,
Técnico – Anderson

A Confederação Brasileira de Vôlei não divulgou estatísticas.

Como esperado, Praia garantiu vaga para a final (Foto: Carlos Borges)

Comentários

  1. FOURPraia cheio de arrogância, por uma mísera Superliga onde investiu caminhões de dinheiro e por incompetência do Osasco que perdeu o tiebreak mesmo ganhando de 13x10 na primeira partida das semi, em Uberlândia. A eliminação do Osasco veio naquele jogo. Praia tem que comer muito pão de queijo pra ser um Rio, Osasco e (até) um Minas da vida.
    Não há mais o que se falar do SESI, Lloyd é bem mediana, Rosamaria e Tiffany dão mais prejuízo que lucro e Fawcett se quiser continuar nessa carreira por mais alguns anos, a aconselho a seguir na Superliga, na Europa as adversárias devorarão o seu fígado, vide a péssima temporada que fez no Conegliano há umas duas temporadas atrás. Fabíola porque fizestes isso comigo, indo pra esse time nefasto, deveria ter ido novamente para a Europa. #RAINHA

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O Praia é um dos dois melhores times do Brasil, até que alguém tire ele de lá hahaha. Tem menos títulos, mas é mais novo do que os rivais também, enfim, o Bergamo é o maior campeão da Europa e hoje tá brigando pelo top 8, quase foi rebaixado e extinto na temporada passada, que o diga o campeão mundial Rabita Baku. Não podemos nos apegar a passado, temos que estimular o presente dos nossos times.

      Excluir
    2. I'm sorry, mais quanta "shit" escrita por centímetros quadrados. Fabíola rainha, Sesi gigante, porém, Praia melhor!

      Excluir
  2. Tenho pena da Fabiola nesse timeco do sesi, Fabiola devia estar no Praia

    ResponderExcluir
  3. E a disputa da pior levantadora da superliga està bastante acirrada entre Lloyd,Roberta,Claudinha e Carol Alburquerque(esta eu me pergunto o que aconteceu com ela foi campeã olimpica ,humilhou a Venturini na final da superliga 04/05 e de algumas temporadas pra cà ta cada vez pior).Agora To fly discordo de vc sobre a Rosa nunca a vi como uma grande oposta pelo simples fato dela não possuir impulsão.No mais Edinara porque voce ouviu o nevasto Zè Panela quando ela disse pra ti se tornar ponteira sendo que como oposta você joga melhor.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Esse título já tem dona: PANI LINS.

      Excluir
    2. A Lloyd pode ñ ser a mais inteligente taticamente falando, mas ela pelo o menos é melhor jogadora q as outras sitadas, ela defende muito, saca muito, bloqueia muito, coisa q as outras ñ fazem muito bem, ñ é mesmo...

      Excluir
  4. Rosamaria está se tornando uma boa ponteira e é uma excelente oposta, se ñ fosse ñ faria 10 pts por set quando joga nessa posição, acredito q isso pode ser importantíssimo pra ela e pra seleção, q esse ano vem com Garay, Natália, Gabi, Tandara, Macris, só faltou vc Brait :(

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Flopmary não é jogadora de seleção.

      Excluir
    2. Rosamaria está evoluindo na recepção, é nítido! Essa versatilidade é muito boa pra atleta. Tandara, Natália, Rosamaria, todas possuem essa versatilidade.

      Excluir
  5. Fiquei surpreso como Rosamaria melhorou no passe, ela tá passando melhor que qualquer PONTEIRA PASSADORA do Bauru. Vanessa, Palácios e Gabi Cândido não são confiáveis, não sei pq não usar a Edinara na ponta e esconder mais a Tifanny do passe. Anderson tá virando uma chacota de técnico, Diouf morreu em quadra e não a tirou.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom que não sou o único q nota os 'problemas' do Anderson haha.

      Verdade, o passe da Rosa melhorou muito, me surpreendeu positivamente também.

      Excluir
  6. Anderson te elogio tanto, porque me desamparaste.

    ResponderExcluir
  7. Rosamaria tem melhorado bastante no passe sim. E isso é mérito do Coco que tem confiado nela e colocado pra assumir responsabilidades. Acho que é questão de tempo pra ela evoluir mais e mais. De fato, falta muito pro Anderson se tornar um técnico de verdade. Falta maior percepção de jogo e ousadia pra mudar um jogo.

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Oi, gente!

Nós agradecemos muito por vocês comentarem aqui. Mas precisamos pedir que vocês façam isso com respeito. Ofensas pessoais à jogadoras e a outros membros não serão aceitas. Torçam à vontade, a favor e contra seleções, times e jogadoras. Mas vamos manter essa ferramenta como uma caixa apropriada e divertida para conversarmos, ok? ;)

Obrigado pela colaboração de todos, é um prazer voar com vocês! <3